Mais um episódio da série The Last of Us da HBO Max foi lançado e mais comentários homofóbicos aparecem em seu encalço (como se ninguém soubesse a história do jogo, não é?). Em entrevista à Variety, Bella Ramsey e Storm Reid discutiram sobre suas personagens, a dinâmica nos bastidores durante o episódio “Left Behind” da adaptação para TV do aclamado jogo, e também sobre as reações preconceituosas de parcela do público.

Este episódio é uma adaptação do conteúdo DLC do jogo original que tem o mesmo nome. Em ambas as versões, vemos como Ellie (interpretada por Bella na série) descobriu que é imune à infecção por Cordyceps. Riley (interpretado por Storm na série) é uma fugitiva que Ellie encontra antes de conhecer Joel e com a qual a personagem cria um vínculo antes que as coisas saiam do planejado para ambas.

“Quem teria pensado que estaríamos dando zoom em dois adolescentes descobrindo uma situação estranha de amizade? […] É algo que estava apenas no roteiro. Eu tinha visto bastante jogabilidade de ‘Left Behind’, então eu meio que senti isso também.

“No que diz respeito a mim e Storm, nós nos demos bem instantaneamente. Não tivemos muito tempo para nos conhecermos de antemão. Nós apenas nos conhecemos enquanto estávamos filmando, e ajuda que nos demos bem instantaneamente. Nós apenas confiamos uma na outra e nos sentimos muito seguras uma com a outra. Não foi nada estranho.

Bella Ramsey, intérprete de Ellie

Ambas as atrizes também estão na mesma página quando se trata da reação homofóbica que o programa experimentou devido a episódios como o Left Behind e o Episódio 3, que apresentou uma visão mais aprofundada do relacionamento entre Bill e Frank.

“Acho que Bella colocou perfeitamente algumas semanas atrás: ‘Se você não gosta, não assista’. […] “Há tantas outras coisas com que se preocupar no mundo. Acho que me preocupar com quem as pessoas amam é um absurdo para mim. Eu simplesmente não – eu nunca vou entender isso. Eu não entendo. Acho que, apesar do que as pessoas vão dizer, se não gostarem, acho que haverá muito mais pessoas que vão gostar. Muito mais pessoas que se sentem representadas e vistas e ouvidas. Então é isso que importa. É aí que entra o trabalho. E é aí que ele é apreciado e você prioriza olhar esses tweets em vez dos que não são os melhores.

Storm Reid, intérprete de Riley

Cuidado: Spoilers a seguir

No episódio, as duas entram juntas em um shopping abandonado, onde desenvolvem seu vínculo explorando e jogando jogos de fliperama antigos. Elas acabam em uma cabine de fotos, onde trocam um beijo doce e íntimo (beijo este que foi cortado em alguns países) e Ellie convence Riley a ficar por perto. Claro, como você deve esperar do mundo de The Last of Us, as coisas dão errado imediatamente. Clicadores aparecem e as duas garotas acabam mordidas, mas com a imunidade de Ellie, apenas Riley sofre de fato os efeitos da infecção.

Fonte: Gayming Mag